Campanha da Adama sobre fungicida Cronnos é finalista em prêmio mundial do agronegócio

A unidade brasileira da Adama, empresa global do setor de agroquímicos, é finalista do Agrow Awards 2017, uma das principais premiações do agronegócio mundial, concedida anualmente pela revista Agrow. A cerimônia ocorrerá em 30 de outubro, em Londres.

A Adama é finalista na categoria “Best Marketing Campaign” (Melhor Campanha de Marketing) com a campanha “É tempo de Cronnos” (It’s Cronnos’ Time) que faz uma relação entre o nome do produto, que na mitologia grega é o Deus do Tempo, com os benefícios do fungicida. O produto chega ao mercado propondo parar o tempo da ferrugem e prolongar o tempo de controle. É um produto inovador de múltipla ação, essencial para o combate à ferrugem asiática da soja.

“Estamos muito felizes em sermos finalistas de um dos mais importantes prêmios de marketing do agronegócio mundial, pois é um reconhecimento da importância e qualidade do nosso trabalho. O objetivo da nossa campanha “‘É Tempo de Cronnos” é mostrar ao agricultor que a Adama trouxe no momento certo um fungicida que combate efetivamente e com precisão a ferrugem asiática, evitando perdas na lavoura e, consequentemente, aumentando a produtividade e rentabilidade”, diz Lydia Damian, Gerente de Publicidade e Promoção da Adama Brasil.

“Foi uma surpresa e uma emoção muito grande estar entre as melhores campanhas do agro do mundo. É gratificante, ver seu trabalho está no mesmo nível de outras campanhas incríveis de grandes empresas do mundo inteiro.” Afirma Mariangela Albuquerque, Diretora Executiva da Agromarketing Mix, agência que desenvolveu a campanha.

Cronnos é o único fungicida a ter uma combinação tripla de princípios ativos, contando com um protetor multissítio entre eles. Esta combinação proporciona proteção completa para a soja, já que todos os mecanismos de ação do produto atuam diretamente no fungo e de diferentes formas, dificultando sua entrada na planta.

O produto encontra-se em fase de pré-venda e começará a ser usado na próxima safra.

Deixe uma resposta